07 Passos Para um Concurseiro de Sucesso

Tiago Bockie

Sabemos que muito do resultado que se busca no mundo dos concursos – A APROVAÇÃO – é decorrência da sua trajetória na preparação. Não existe fórmula mágica para esse êxito, mas a conjugação de alguns fatores contribuem (e muito) para o sucesso. Vejamos:

1) COMECE: sair da situação de inércia é fundamental. Muitas pessoas “pensam” em iniciar o estudo para concurso público, mas a ideia nunca sai das divagações mentais. Muitas vezes, o propósito não sai do plano das ideias porque a pessoa não se sente totalmente preparada para iniciar ou porque ainda não reuniu todas as condições necessárias para a preparação para concurso. Pela minha experiência de, aproximadamente, 10 anos na preparação para concurso público, digo para você leitor, que esse momento pode nunca chegar e o que vai restar é o desgosto pelo tempo perdido. Assim, independente do pouco tempo disponível ou mesmo com as inúmeras atribuições que você possui na sua vida pessoal ou profissional, o importante é começar.

2) PLANEJE: há uma grande probabilidade do estudo aleatório levar ao fracasso. Por esta razão, como já comentamos nas colunas anteriores, é muito importante que você verifique os dias e horários disponíveis na semana para a elaboração de um quadro de horários, de acordo com o quantitativo de disciplinas cobradas no concurso público almejado.  Lembrem de fazer um rodízio entre as disciplinas, não deixando para estudar uma disciplina apenas após a conclusão da disciplina anterior. O estudo deve ser conjunto, reservando-se um dia para cada disciplina e inserindo, semanalmente, a matéria que possui um maior peso no edital.

3) ESTUDE O EDITAL PUBLICADO: um erro muito comum de grande parte dos concurseiros é olhar, apenas, o conteúdo programático de um edital. É muito importante que o candidato reserve, pelo menos, uma hora para uma leitura bem atenta do edital, a fim de que verifique os requisitos de investidura no cargo, o quantitativo de questões para cada disciplina, o local e o horário de prova, a forma de cobrança de cada questão e, principalmente, o peso que cada disciplina tem o edital. Desta forma, o estudo pode ser direcionado de uma maneira muito melhor.

4) REPITA: há uma frase atribuída ao jogador de golfe Arnold Palmer: “quanto mais eu treino, mais sorte eu tenho”.  Essa frase é, perfeitamente, aplicada ao mundo dos concursos públicos, de modo que devem ser feitas revisões periódicas do conteúdo programático, com a resolução intensiva de questões de concursos públicos anteriores. Tal atividade, além de ajudar na revisão dos temas anteriormente estudados, prepara o candidato para o perfil da banca examinadora.

5) NÃO DESVIE DOS SEUS OBJETIVOS: não mude completamente o seu foco durante a preparação para concurso público. Da mesma forma, não foque toda a sua energia em, apenas, um concurso público. Escolha concursos que tenham o mesmo eixo temático, que se diferenciam em, no máximo, duas matérias. É plenamente possível, por exemplo, estudar para diferentes concursos públicos de Tribunais (TRE, TRT, TJ). Da mesma forma, é possível conciliar o estudo para o concurso público do INSS e do TRE, pois o conteúdo programático de ambos é muito próximo.

6) RECOMECE: faça isso sempre. Muito comum ouvir isso dos meus alunos: “Poxa… estudei tanto para esse concurso e não fui nem classificado… Agora vou estudar tudo de novo???” EXATAMENTE!!! Alguma razão diferenciou o concurseiro aprovado daquele que não conseguiu êxito. São esses pontos de diferença que precisam ser buscados na nova preparação. Uma das atividades que aconselho é a revisão da prova anteriormente realizada, de forma minuciosa, analisando, cuidadosamente, cada uma das assertivas, para que se

7) NÃO DESISTA: se você tem dois, três ou, até mesmo, quatro anos nessa rotina de estudo. NÃO DESISTA. Tente encontrar as deficiências e, na medida do possível, seguir os 7 PASSOS que apresento na coluna desta semana. Se você tem muito tempo de preparação, é natural que tenha um estudo acumulado e que está muito próximo de uma aprovação.

Siga a CICLO nas redes sociais

Horário de funcionamento

Segunda a sexta: 08 às 22 h.
Sábados: 08 às 18 h.